Escolha 3 áreas para focar e melhore a sua vida

escola três áreas e melhore de vida foco

Você deve estar pensando “Ah, sério! Só três?”. Sim, só três por vez! E sabe por quê? Porque organizar e melhorar uma área da nossa vida toma tempo e dá trabalho, ao menos se você quiser fazer isso de forma correta e duradoura. É frequente algumas pessoas se sentirem sobrecarregadas porque focam em muitas coisas ao mesmo tempo. E no final de um certo período, poucas coisas foram conquistadas. Sabe aquela confusão mental constante por não saber o que fazer primeiro, por onde começar? Nem sempre é falta de organização, apenas falta de foco! É como um malabarista que tenta jogar muitas bolinhas de uma só vez, em pouco tempo algumas caem no chão. Então, não é melhor equilibrar somente três bolinhas de forma correta e garantir o espetáculo?

O que é importante para você neste momento da sua vida?
O que é importante para você hoje pode não ser importante no mês que vem, e é por isso que periodicamente deve-se refletir as áreas de foco. Há também o contexto a ser analisado, afinal, você não vai querer organizar os armários da casa quando estiver de férias a mais de 300km de distância. Ou ainda, começar um curso presencial intensivo quando seu filho pequeno precisa de você diariamente. Pare um minutinho para refletir, o que é importante para ser feito neste momento da sua vida? Anote em uma folha as áreas por ordem de prioridade. Anotou mais do que três áreas? Reflita um pouco mais e elimine as áreas que poderão aguardar pelo menos um mês. Segue abaixo uma lista de áreas da vida para te inspirar.

escola três áreas e melhore de vida foco

  • Família: Melhorar a qualidade de vida, criar atividades em conjunto, entretenimento e ensinar a dividir responsabilidades.
  • Filhos: Aprender sobre o que esperar na idade do seu filhos, ideias de temas para festa de aniversário e atividades semanais em família proposta pelos pequenos.
  • Saúde: Exames médicos de rotina, dentista, fazer óculos novos e se informar melhor a respeito de alguma doença.
  • Trabalho: Material para ler, cursos de aperfeiçoamento e escutar podcasts sobre o assunto.
  • Alimentação: Como se alimentar de forma mais saudável, aprender a cozinhar, preparar snacks saudáveis e estudar veganismo.
  • Fitness: Começar a academia, mudança de hábitos para se movimentar mais, comprar vestuário e procurar blogs sobre o assunto.
  • Férias: Escolher destino, planejar viagem, itinerários, anotar endereços e tirar visto.

É claro que a lista não está completa e, dependendo dos seus objetivos e contexto, duas áreas podem tornar uma única, como Fitness e Alimentação.

escola três áreas e melhore de vida foco

O próximo passo
De forma semelhante ao exemplo acima, liste os seus objetivos e metas para cada uma das áreas escolhidas. Depois, liste as tarefas necessárias para atingir os seus objetivos. Dedique-se periodicamente às suas áreas, sempre recorrendo à lista de tarefas para saber o que fazer. Muito provavelmente cada uma das áreas escolhidas exigirá um tempo diferente para execução das tarefas. É possível que seja necessário uma dedicação diária em duas áreas da sua vida, enquanto a terceira demandará algumas horas 3 vezes por semana. Não sabe como começar? Reserve 1hora todo dia para começar e adapte conforme for necessário.

Aprenda a dizer não
Ter foco é aprender a dizer “não” para muitas coisas, ao menos temporariamente. Se o que quiser fazer não pertence a uma das áreas de foco, diga “não” sem remorso! Essa é uma das tarefas mais difíceis, principalmente para pessoas criativas ou proativas. Temos uma ideia, pensamos em como colocar em prática, achamos aquele DIY super fácil no Youtube e pronto, já estamos animadas seguindo outro caminho! No entanto, a cada “não” dito você garante que terá o tempo necessário para realizar tarefas que realmente importam para você.

escola três áreas e melhore de vida foco

Quanto tempo o foco deve durar? 
Depende do que você quer conquistar em cada uma das áreas, já que é você quem determina os objetivos. Algumas vezes o período será determinado por você, como por exemplo cursos de formação rápida (3-6 meses), férias (15-30 dias), curso de graduação (3-5 anos ou até mais) e assim por diante. Áreas como família, filhos, saúde, fitness, e outras essenciais para você estarão em foco por muito mais tempo. Conforme você for se organizando, construindo hábitos e tendo uma rotina essas áreas irão naturalmente se fusionando, podendo focar em outras áreas sem deixar o que conquistou de lado. Se você não tiver ideia nenhuma de quanto tempo deve focar, estipule 30 dias corridos. Na metade o nos terços desse tempo você poderá refletir sobre o seu progresso e reavaliar o prazo estipulado.

Como controlar essas áreas no planner?
Eu sugiro fortemente que cada uma das áreas possuam seções independentes no seu planner, podendo ser separadas com o uso de divisórias ou com marcadores de páginas. Dessa forma, fica fácil e rápido acessar essas informações, adicionar qualquer material conveniente e até mesmo, atribuir algumas tarefas e compromissos à datas específicas. Quando uma área não estiver mais em foco, basta arquivar as folhas e renomear a divisória. Se daqui uns meses você decidir em se empenhar novamente nessa área, já tem todo o material de partida, o que fez na época, o que deu certo, enfim, não precisa começar do zero.

Você reparou como as fotos desses post são bem diferentes das fotos que eu costumo publicar? Sabe dizer o que elas possuem em comum? O foco! Eu escolhi 4 imagens que, graças ao foco, podemos perceber detalhes que sem foco passariam desapercebidos: a mão com unhas vermelhas segurando um ramo com flores, a perfeição de um floco de neve, os pontinhos amarelos de um olho verde e a fumacinha de um chá bem quentinho.

Posts relacionados
Planeje a sua semana like a boss
Por que ainda há pessoas que usam papel e caneta?
Quando e como usar refil diário

Anúncios

Por que ainda há pessoas que usam papel e caneta para se organizar e estudar?

planejamento caderno caneta produtividade trabalho organização pessoal e estudos

Opções de aplicativos para organização pessoal ou estudos não faltam. Aliás, são tantas opções que a gente vai logo baixando uns 3 para experimentar e escolher o que mais gostar. Apesar de eu mencionar apenas o uso do papel para organização, eu já usei ferramentas digitais (por anos!). E mesmo assim, gradualmente eu fui voltando a usar papel. Além de preferência pessoal, o papel nosso de cada dia possui algumas vantagens que ferramentas digitais não são capazes de reproduzir. Mas, quais seriam, então, os benefícios de usar papel e caneta? Não seria mais prático manter toda a nossa organização pessoal no aparelho que mais usamos no dia-a-dia e que não sai do nosso lado nem mesmo na hora de dormir?

Já passamos muitas horas na frente de uma tela
A grande maioria das pessoas passam muitas horas na frente desse retângulo brilhante. Seja para trabalho, estudo, lazer ou entretenimento. Computadores e dispositivos móveis tendem a nos deixar mais agitados, com urgência de terminar tudo logo. Quando usados à noite, o brilho dessas telas podem afetar a qualidade do nosso sono. Usar papel e caneta é uma oportunidade para nos afastar um pouco dessas tarefas rotineiras e relaxar.

usar papel caneta para se organizar e estudar

É mais fácil organizar as ideias 
Se ficamos mais relaxados e com menos pressa, obviamente que será mais fácil organizar pensamentos e ideias. Podemos inclusive fazer um rascunho bem rapidinho, separando a informação em colunas de vantagem e desvantagem ou fazendo um mapa mental. Quando temos um teclado na nossa frente isso não acontece tão fácil assim. Temos esse impulso de construir frases corretas logo de primeira, antes mesmo de ter pensado na organização geral do texto. Se decidirmos escrever em colunas, bem, você vai ter que parar o que estava pensando por alguns segundos para procurar o menu ou o botão que configura o texto em colunas. Talvez até mesmo mudar de programa, já que não é todo editor de texto que faz mapa mental. Em outras palavras, ferramentas digitais criam uma etapa a mais enquanto estamos pensando.

como fazer anotações em sala de aula universidade faculdade escola

Aprendemos melhor com papel e caneta  
Sim, aprendemos melhor e retemos melhor a informação quando usamos papel e caneta. Com estes, temos uma grande liberdade para grifar com outra cor, desenhar ou esboçar um gráfico. A escolha é feita de acordo com o que for mais apropriado para nós e segundo nossa interpretação. Além disso, as folhas avulsas podem ser facilmente colocadas lado a lado para comparações. Podemos usar uma lousa ou montar um mural para ter sempre à vista. Com eletrônicos a tendência é anotar quase que palavra por palavra do que ouvimos, comparações entre páginas e arquivos ficam restritas ao tamanho da tela (ou telas, caso uso mais de um monitor).

work trabalho dicas produtivo
O que os olhos não vêem, o coração não sente
Planner, caderno ou agenda são dificilmente ignorados. Você até pode não ter o hábito de usá-lo como deveria, mas eventualmente você vai se deparar com ele e você vai lembrar que tem um monte de coisas para faze/resolver para então, riscar aquela tarefa. E como é bom riscar as tarefas feitas! Eu não sei vocês, mas quando eu olho para o meu computador, celular ou tablet, eu lembro de um monte de coisas como Instagram, ver vídeos no Youtube, verificar a caixa de email, finalizar aquele projeto bacana, etc. Raramente eu vou olhar para um desses objetos e lembrar do que eu planejei para a semana, seguindo prioridades e datas limites.

mural produtividade usar papel e caneta criatividade

Papel e caneta nos ajuda a ser mais produtivos
É claro que não dá para usar papel para organizar tudo, principalmente quando trabalhamos ou estudamos com outras pessoas e todos precisam ter acesso a mesma informação. Também não dá para imprimir todo e qualquer conteúdo que precisamos ler. Papel e caneta não possuem lembretes sonoros para nos ajudar a não esquecermos de coisas importantes. E assim como ferramentas digitais, podem nos deixar na mão (podemos perder, molhar, ser roubado, etc). Quem usa papel e caneta os usa por saber que serão mais produtivos dessa forma, até mesmo quando o uso de ferramentas digitais se faz necessário em algum momento. Afinal, que maneira melhor de eu saber o que escrever neste post senão começando por um brainstorm de ideias seguido de um rascunho dos pontos-chaves? Do contrário eu ainda estaria aqui, admirando o cursor, vendo-o piscar incessantemente para mim.

Sobre algumas informações citadas no texto
Artigo sobre os impactos do uso do papel e caneta versus computador no aprendizado (em inglês)
Alta exposição aos smartphones pode atrapalhar o seu sono (em inglês)

Posts relacionados
Como fazer anotações em sala de aula
Diferença entre tarefa e compromisso
Como organizar a rotina de forma eficiente
Como planejar a semana like a boss

Os 5 erros mais comuns de quem usa planners

bolsa planner agenda fichário filofax kikki carpe diem color crush como usar planner

Eu constantemente recebo dúvidas sobre como usar o planner de forma correta, principalmente de planneristas iniciantes. Eu sempre explico que não há fórmula mágica que funciona para todo mundo, que precisamos descobrir o que funciona para nós e isso é um pouco na tentativa e erro. Mas, se não há fórmula mágica, como saber se está no caminho certo? Basta continuar lendo esse post aqui, sobre os 5 erros mais comuns de quem usa planners.

Não usar o planner com frequência
Você comprou ou montou seu próprio planner, preencheu algumas folhas, planejou a semana e deixou ele esquecido em algum lugar. Dias depois é que você vai abri-lo para atualizar alguma coisa. Esse é o erro mais comum de todos. É preciso pensar no planner como seu/sua secretário(a). Acho que é por isso que as gringas têm o costume de dar nome para os seus planners. Tenha uma rotina de uso (nem que seja 5 min por dia) e tenha seu planner sempre por perto. Se não for possível carregá-lo na bolsa, tenha um bloquinho or caderno pequeno para anotar algumas informações temporariamente. Usar o celular também é uma boa pedida.

Não usar contexto 
Tão importante quanto anotar, é organizar a informação que anotou. Fazer listas por contexto ou categoria é uma boa forma de organizar suas anotações. Você pode até anotar em papéis avulsos ou nas páginas da semana/dia, mas não esqueça de reunir essas informações depois. Alguns exemplos de listas por contexto são: lista de compras organizadas por loja, de livros que quer ler, de manutenção do carro, etc.

kikki.k yellow amarela mdeium personal agenda fichário planner

Não customizar o planner 
Depois de muito escolher e esperar, você finalmente recebe o seu planner em casa. A vontade é de pegar uma caneta e sair anotando várias coisas e já planejar a semana. Do jeito que os planners são vendidos, usar o planner sem customizá-lo é disperdiçar todo o potencial que essa ferramenta tem a oferecer. Separe um tempo para fazer um mind map para descobrir o que irá controlar no planner, nomeie as divisórias, faça listas, tenha diferentes inserts para auxiliar na sua organização e planejamento. Se achar interessante, crie um índice, númere as páginas e adicione post-it flag nas páginas que consulta com frequência.

bolsa planner agenda fichário filofax kikki carpe diem color crush como usar planner

Não mudar de insert quando necessário 
Nem todos os dias são iguais, alguns são mais cheios que os outros. Ou ainda, os dias são iguais, mas nós não. Eu gosto muito do refil semanal em 2 páginas, mas nos dias mais cheios ou nos dias em que eu preciso me concentrar melhor, eu uso o refil diário. Durante o período de férias ou viagens eu prefiro o refil semanal em uma página e uso folhas suplementares para planejar o itinerário. Por esse motivo, eu tenho sempre algumas folhinhas de cada tipo de insert pronta para usar no final do planner argolado. No caso do traveler’s notebook, eu mantenho um caderno com refil diário.

Não reavaliar periodicamente o seu setup 
Lembra que eu disse que usar um planner é na base da tentativa e erro? E como saber o que está funcionando para você? Periodicamente, olhe seu planner com olhos críticos. O que usou para organizar a sua semana mais produtiva? Tem algo que você sempre esquece de atualizar? Precisa de um lembrete para atualizar o planner com mais frequência? Com o tempo você irá aprimorar e aprender o que funciona para você.

É isso! Espero que tenham gostado e até a próxima.

Posts relacionados
Como e quando usar o refil diário
Decoração e planejamento inicial da semana
5 dicas para uma semana produtiva

Planeje a sua semana like a boss

dicas planejar a semana planner agenda como usar

Planejar parece tarefa simples, não é mesmo? Você abre o seu planner, anota os compromissos e algumas tarefas. Se você gosta de decorar as páginas, é possível até que você comece pela decoração. E só lá pela quinta-feira é que você vai saber se o planejamento da semana foi realmente bom. Em outras palavras, planejar é antever mentalmente um conjunto de ações que vão te ajudar a realizar com êxito aquilo que você almejar. Eu sei que ninguém tem bola de cristal, mas hoje você vai aprender a se fazer as perguntas certas para planejar a sua semana like a boss!

1. O que deu errado nas últimas semanas? Tem algo que poderia ser melhorado? 
Nós sempre podemos aprender com os nossos erros, e mesmo quando não erramos, sempre podemos melhorar. Dê atenção especial as tarefas importantes não realizadas e aos compromissos não honrados. Se você realmente precisa colocá-los em dia, comece o planejamento por eles para garantir que eles serão feitos logo no início da semana.

dicas planejar a semana planner agenda como usar

Eu uso o símbolo >> para tarefas que devem ser agendadas para a próxima semana.

2. O que obrigatoriamente precisa ser feito nessa semana?
Foque primeiramente em tarefas com data limite (pagamento de contas, entregas, etc) e compromissos de hora marcada (consultas médicas, serviços, etc). Principalmente os compromissos, não só porque não podem ser esquecidos mas também porque eles moldarão o tempo livre para outras tarefas naquele dia. Anote em destaque no seu planner e, se necessário, coloque um alarme no celular.

3. O que precisa ser feito todo santo dia?
Anote o que quer fazer todo dia, escreva detalhadamente segundo o seu gosto. É possível também anotá-los todos juntos, repetir os itens no espaço para planejamento diário ou um misto dos dois jeitos. Atente-se apenas para não poluir muito e acabar dificultando a leitura do que realmente for importante naquele dia. Você pode incluir os desafios de 30 dias e acompanhamento de tarefas e hábitos como por exemplo, o consumo de água, vitamina/remédio, organização rápida da casa, ler para o filho antes de dormir, etc. Se você tiver algumas tarefas que dependam do bom tempo, inclua também a previsão de cada dia. Vai te ajudar a programar melhor essas tarefas.

dicas planejar a semana planner agenda como usar

Tarefas e hábitos diários todos reunidos e previsão do tempo nos dias. Eu uso a seta para cima e para baixo para indicar respectivamente temperatura máxima e mínima.

4. O que precisa ser feito semanalmente?
Sabe aquelas tarefinhas de casa e de cuidados pessoais que fazemos 1 vez ou algumas vezes na semana? Então, não esqueça delas também. Você pode anotá-las no dia que planeja fazer ou reuní-las todas juntas para ficar mais fácil de visualizar. A grande desvantagem de anotar no dia é que, por serem tarefas de baixa prioridade, há uma certa probabilidade de serem reagendadas para outro dia. Você precisa lavar a roupa 2 vezes na semana, mas não necessariamente na segunda e na quarta. O que importa é que a roupa seja lavada, e não em que dia ela será lavada.

dicas planejar a semana planner agenda como usar

Tarefas semanais todas reunidas. Do lado esquerdo tarefas de casa e do lado direito outras tarefas para quando sobrar um tempo livre.

5. O que tem de importante para a semana que vem? 
E por último, dê uma olhadinha nas próximas semanas e/ou calendário mensal.  Será que tem algo importante nas próximas semanas que precisa ser planejada e iniciada ainda nessa semana?

Você faz algo diferente que eu não mencionei aqui? Deixe nos comentários, eu vou adorar saber 😉

Posts Relacionados
Como e o que anotar para ser produtivo
Dicas para uma semana produtiva
Diferença entre tarefa e compromisso

Refil que aparece nas fotos é da minha loja no Etsy.
A5
Personal
Traveler’s Notebook Regular

Como alcançar seus objetivos em 2016

como alcançar objetivos produtividade
Wow! Estamos em abril, já! Tempo voa, baby! Na minha cabeça eu já imagino 2016 como uma barra de progresso marcando nos 30%. De tempos em tempos eu releio as minhas resoluções de ano novo, só para garantir que eu estou na direção certa e também para repensar o que quero. Algumas coisas acabaram ficando para trás, hábitos novos que eu comecei mas não mantive o ritmo. Nesse post eu falarei um pouco como é esse processo de revisar os objetivos de 2016, colocá-los em ação e lidar com falhas também.

Revise as resoluções para 2016
Marque o que você já fez, conquistou e indique o que está em andamento. Não tenha receio de eliminar algumas resoluções que nem tentou ou que agora não fazem mais sentido. Quatro meses é muito tempo. Nossa vida pode ter mudado e nossas prioridades também. Se você não escreveu suas resoluções no início do ano, sem problemas! Escreva agora o que quer fazer e conquistar em 2016. Se precisar de inspiração, as minhas estão aqui.

cantinho mesa decorar organizador lápis caneta

Escolha os objetivos para o mês de abril
Agora que você tem a sua lista, priorize e escolha os objetivos para o mês de abril. Já estamos na metade do mês, então não seja tão exigente. Melhor começar devagar mas indo sempre na direção certa do que ir com tudo nesse mês e em maio você largar tudo pela metade porque sente que não tem tempo para outras coisas. Misture objetivos fáceis com difíceis ou de longa duração. Nesse mês eu escolhi reorganizar e decorar o meu apartamento, diminuir o uso de internet e celular e planejar uma grande viagem para algum lugar que gostaria de conhecer. Eu comecei pela viagem e dois dias depois, percebi que essa viagem não irá acontecer nos próximos meses. Assim que comecei a planejar eu percebi que minhas prioridades mudaram desde o início do ano, então abortei a missão e passei para a reorganização e decoração do apartamento.

Quebre cada objetivo em tarefas menores
No começo do ano eu ja sabia que queria organizar e decorar o apartamento. E para fazer isso direitinho eu sabia que eu teria que destralhar, tirar coisas que eu não quero mais, doar, etc. E foi o que eu fiz nos primeiros meses. Um dia de noite eu peguei meu organizador de lápis e canetas, no final de semana o guarda-roupa, e assim por diante. Nesse mês organizar e decorar esta sendo fácil. Final de semana passado mudei algumas coisas de lugar e decorei com o que eu ja tinha. Aliás, não comprar nada novo é um outro objetivo meu.

objetivos hábitos tarefas diárias planner filofax rotina

Não espere pelo momento certo
A grande maioria das pessoas tentam encontrar o momento ideal para fazer as coisas. E se esse momento ideal nunca chegar? E se esse momento ideal precisa ser criado por você mesma? Se mexa e mantenha-se em movimento! Começar pode ser difícil e assustador ao mesmo tempo, mas uma vez que você vence essa barreira inicial, fica mais fácil manter as coisas funcionando.

Acompanhe seu progresso
Periodicamente eu atualizo o meu planner, faço questão de marcar o que fiz e o que conquistei. Alguns novos hábitos são diários, então acompanho no refil semanal mesmo. Como é bom ver a lista de objetivo diminuindo! Sentimento de que a vida está caminhando como eu quero (ao menos aquilo que podemos controlar), de pequenas conquistas e equilíbrio na vida.

Se cair, levante de novo
Seja porque às vezes as coisas são mais difíceis do que imaginamos ou porque simplesmente falhamos em manter o objetivo em andamento, não se vitimize e nem culpe o mundo por isso. Reflita, aceite as falhas, aprenda com elas e comprometa-se novamente. Em 1o de janeiro eu comecei atividade física diária em casa junto com uma postura alimentar mais saudável. Tudo ia bem ate ter ficado muito doente no final de fevereiro. Tive que parar a atividade física e não voltei até agora! Cada dia que passa parece mais difícil voltar, mas desse mês não passa!

Devagar e sempre 
Próximo final de semana será de descanso, pouco importa se os objetivos de organização para o mês de abril foram alcançados ou não. É preciso descansar também, curtir um pouco os objetivos alcançados. Única excessão são os hábitos diários. Assim que minha lista de objetivos acabar eu recorro à minha lista de resoluções para 2016 e escolho mais alguns para realizar.

É isso! O post ficou um pouco longo mas eu queria dar uma ideia mais detalhada de como é que eu tiro os meus objetivos do papel e os coloco em ação.
Até a próxima!

Posts Relacionados:
Resoluções de ano novo
Filofax Domino Patent Turquesa
Meu organizador de canetas 

Refil que aparece na última foto é da minha loja no Etsy.
A5
Personal
Traveler’s Notebook Regular

Resenha: Kikki.K Personal Planner Medium: Yellow

kikki.k yellow amarela mdeium personal agenda fichário planner

Yay! Finalmente chegou o dia de escrever a resenha da minha belezinha toda amarelinha! Comprei o planner em janeiro desse ano e estou usando-o desde então. Ok, preciso acalmar meus ânimos aqui para fazer um post imparcial, hehe. No final do post tem um parágrafo dedicado a minha experiência de uso. Vamos lá, então?

O modelo
Eu escolhi o modelo Textured Leather Personal Planner na cor amarela e no tamanho Medium (mesmo tamanho personal da Filofax).

A capa
A capa é amarela, em couro Saffiano, possui bolsos internos e um elástico preto para colocar uma caneta. Os bolsos são ótimos, seja para decorar ou colocar ali o que for útil para você ou um misto dessas últimas duas opções. O forro é em tecido estampado em preto e branco e possui uma abertura na capa de trás para colocar um bloco de notas.

kikki.k yellow amarela mdeium personal agenda fichário planner

Os inserts
No meu caso que gosto de usar refil impresso em casa, é o que menos importa. Mas, para constar aqui na resenha, segue a lista do que veio dentro do planner:

  • 1 bloco pequeno
  • 1 bloco tamanho personal
  • 6 divisórias na cor cinza
  • 2 folhas com adesivos (abas e palavras)
  • Folhas para anotações (to do, notes, meeting)
  • Refil mensal em duas folhas sem data

Lembre-se de verificar os itens inclusos no site da KikKi.K antes de efetuar a compra. O refil não só muda de acordo com o modelo como poder ser mudado pela empresa a qualquer momento.

kikki.k yellow amarela mdeium personal agenda fichário planner

Vantagens
O preço durante a promoção é o que mais chama a atenção. Eu não faço questão dos anéis dourados, mas nesse modelo amarelo as argolas douradas realmente caíram bem. Falando em anéis, eles são bem generosos (30mm), maiores do que a maioria dos modelos da Filofax (23mm). Ótimo para quem precisa de espaço extra no planner. No final do post tem uma foto comparando essas duas marcas com esses respectivos tamanho de anéis. O material da capa é bem fácil de limpar e mais resistente a marcas (quando comparado com couro natural não texturizado).

Desvantagens
O refil realmente não é o forte desse planner, muitas folhas de anotações apenas. Não chega a ser uma desvantagem, já que a capa dura muitos anos e uma hora ou outra precisará repor o refil, mas com certeza não é um diferencial do modelo também. A lombada, por conta dos anéis maiores, é mais larga do que o usual. Além disso, a capa é composta de mais de uma material. Esses dois últimos fatores juntos deixa o planner bem gordinho. Não passará desapercebido na sua bolsa. Nesse quesito, os modelos da Filofax possuem capa mais fina e lombada mais estreita.

Sobre o couro Saffiano
O couro Saffiano é feito usando couro animal e uma máquina que estampa/prensa uma textura nele, mudando completamente a aparência do couro original. Sendo assim, se você gosta de produtos feito com couro natural e nunca viu o couro Saffiano, sugiro cautela. Eu não costumo ter produtos de couro, exceto alguns modelos de planners da Filofax, portanto sou totalmente leiga no assunto. O que posso dizer é que o toque da capa desse planner é muito mais semelhante à um material sintético do que couro natural não texturizado. Não estou dizendo que isso é bom ou ruim, apenas que é diferente.

kikki.k yellow amarela mdeium personal agenda fichário planner

Minha experiência de uso
Como puderam perceber pela abertura do post, eu estou muito satisfeita com a compra. O amarelo é bem bonito e o tecido interno todo em preto e branco dá um charme a mais. Considero o planner gordinho e pesado, nunca saiu de casa porque eu detesto carregar peso. Se eu precisar de algo tiro foto da página antes de sair ou levo apenas algumas folhas numa pasta A5. Eu tive a infelicidade de riscar a capa com uma caneta Bic preta. Consegui remover usando um cotonete embebido em leite! Ufa! Saiu quase completamente, ficou apenas uma sombra imperceptível.

O couro Saffiano, ao meu ver, não se assemelha em nada aos poucos itens de couro natural que tenho ou já tive. Acho totalmente injustificado o uso de pele animal nesse caso. Se não é para se parecer com couro então preferiria que fosse de material sintético.

Assim como qualquer objeto de cor marcante, eu estou começando a enjoar da cor. O planner é lindo, é quase como ter um raio de sol dentro de casa (rs, que poético!). Não me entendam mal, a cor é linda! Mas eu enjôo mesmo e até por esse motivo que eu tenho mais de uma capa, para poder trocar. Caso contrário, pouco a pouco eu vou deixando o planner de lado, assim como o planejamento da minha vida pessoal. Se esse for o seu caso, eu não consideraria essa cor para um primeiro planner, a menos que queira aproveitar a promoção e esteja aberta a comprar outro, caso enjoe.

kikki.k yellow amarela mdeium personal agenda fichário planner

Nota: Este planner foi comprado com o meu próprio dinheiro. Se for comprar no site da Kikki.K (assim como qualquer outro site fora do seu país), compre por sua conta e risco. Não esqueça de considerar os impostos de importação e taxas do correio (no caso da sua compra ser taxada), antes de efetuar a compra.

Posts Relacionados 
Saiba mais sobre a marca Kikki.K
Resenha do modelo Personal Time Planner Lilás, tamanho Large
Onde comprar agenda fichário, vantagens e desvantagens

5 dicas para uma semana produtiva

work trabalho dicas produtivo

Segunda-feira. Tudo recomeça. Muito se fala da preguiça que acomete à todos sempre neste mesmo dia da semana e como doses extras de café são necessárias para vencer essas 24 horas. Mas sejamos francos, segunda-feira é um dia como outro qualquer, com um pouco mais de sono e inércia talvez.  Eu não sei vocês, mas eu preciso de café extra todo santo dia! Amo café! Segunda-feiras são tão especiais como ano novo, a diferença é que você só espera 7 dias para iniciar o novo ciclo. E assim como ano novo, eu tenho segundas-feiras como dias de recomeçar e conquistar, pouco importa como foi a semana passada. Nesse post eu vou compartilhar com vocês minhas 5 dicas para que a sua semana seja produtiva!

1. Coloque as coisas em ordem 
Não tem nada pior que perder tempo procurando o que precisa por motivo de bagunça. Desordem atrapalha, estressa e tira a nossa atenção também. Dedique um tempo (uns 20 minutos no máximo) para colocar as coisas em ordem. Exemplos: coloque roupas, sapatos e acessórios no lugar, ajeite a mesa da cozinha e do computador, coloque eletrônicos para carregar, lave a louça e retire o lixo o orgânico e o reciclável (ou deixe este pronto para tirar no dia certo). Não é faxina, concentre-se apenas no que for importante para o bom funcionamento da casa.

work trabalho dicas produtivo

2. Priorize o que precisa ser feito
Em uma folha, anote tudo o que estiver pensando. Se algo não precisa ser feito nessa semana mas continuamente vem em sua mente te atrapalhar, anote também para que possa focar nas outras tarefas. Assim que terminar, releia as suas notas e priorize. Você pode usar caneta colorida ou marca texto para criar um código: rosa para tarefas urgentes, amarelo para as tarefas importantes, roxo para as tarefas com dia marcado e verdes para as tarefas que só devem ser feitas se tiver tempo livre. Nesta mesma sequência, anote as tarefas no seu planner. Tarefas sem data definida devem ser anotas em uma folha à parte, com as mais importantes no topo. Não se prolongue, uns 30 minutos no máximo, caso tenha uma vida muito atribulada. Lembre-se, este é o momento para planejar a semana. Se precisar planejar mais coisas, crie uma tarefa para isso.

work trabalho dicas produtivo

3. Foque em uma tarefa por vez
Esse é o momento de sair do planejamento e partir para a ação! Comece pela tarefa mais importante do dia, respira fundo e vai. Se ajudar, coloque uma música que goste muito para te animar. Nada de querer ser perfeccionista, seu objetivo é realizar a tarefa e partir para a próxima. Não esqueça de fazer pausas (ao menos 1 a cada 50-60 minutos), beber água e caminhar um pouco, caso precise.

4. Tarefas domésticas diárias e semanais
Separe 15 minutos diários para manutenção da casa, arrumar a bolsa/mochila para o dia seguinte, etc. Se você faz tudo em casa, com certeza você vai precisar de muito mais tempo do que isso. Tente separar tarefas diárias das tarefas semanais. Estipule 7 tarefas semanais importantes e execute uma ou mais por dia, de acordo com o seu tempo livre. Essas tarefas geralmente são as mais demoradas como lavar banheiro, lavar roupa, limpeza de quintal, cozinhar ou preparar alimentos para cozimento, etc.

work trabalho dicas produtivo

5. Delegue, e quando necessário, diga não
Nem todas as tarefas, principalmente as domésticas, precisam ser feitas por você. Delegue de acordo com a capacidade e idade de cada pessoa. Aceite caso essas tarefas não sejam executadas com a perfeição que esperava. Lembre-se, a tarefa precisa ser bem feita, isso não significa que precisa ser perfeita. Se algo não for importante ou relevante para a sua semana, diga não, principalmente se for uma favor à terceiros e você não tem tempo livre para isso. Você também precisa de descanso.

Espero que essas dicas ajudem! Uma semana produtiva para todos nós!

Posts relacionados
Como ser produtivo 
Mantenha-se produtivo com a técnica Pomodoro

Produtos que aparecem nas fotos
Planner argolado: Filofax Domino Patent (resenha aqui)
Clips dourado de lacinho: Kate Spade New York
Marca texto: Staedtler (roxo) e Sharpie Gel (amarelo)
Caneta azul: Bic Atlantis Exact Fine
Meu refil semanal: The Jumping Fox (link para comprar aqui)